14 Nov 2011

Veni, vidi,vici!

Veni, vidi,vici!

Um homem honrado não se vende facilmente, não se acha em qualquer esquina, não protagoniza escândalos, não cria falsos moralismos e, principalmente, sabe que o seu trabalho e a sua família são os pilares de sustentação para o exercício de se viver.  

Um homem honrado é quase um artigo de luxo de série limitada. É um exemplo para os céticos que não vislumbram e que fazem beicinho para as oportunidades. É um solavanco na alma daqueles que tem medo de ir lá e fazer a diferença. É a contramão na maioria, a válvula propulsora, o diferencial...

Um homem honrado é, por exemplo, Kiko Silva que aos 13 anos já sabia que seria publicitário e que intrujou-se nessa área acreditando nos louros da vitória. Ele sabia que não seria fácil, mas não deixou-se cair nos temidos abismos que nos impulsionam a parar, a desistir, a estagnar. Pelo contrário, vestiu a camisa da vitória e foi à luta.

Hoje, 14 de novembro, ele comemora mais uma vitória: A sua agência de comunicação, a.K, ganha nova sede no Rio Vermelho com uma estrutura moderna e bem maior, pronta para os próximos 10 anos e com uma cartela de clientes digna de Lord Saatchi.

Foto: Divulgação/Uran Rodrigues.