😷

infectados

😔

mortes

🙂

recuperados

1 Oct 2019

Talheres de plástico podem ser proibidos em estabelecimentos de Salvador

Luan Santos

Talheres de plástico podem ser proibidos em estabelecimentos de Salvador Um projeto de lei que tramita na Câmara Municipal de Salvador pode proibir a fabricação, venda, comércio e utilização de talheres de plástico em estabelecimentos comerciais. A proposta ainda obriga a substituição destes objetos por materiais biodegradáveis, com previsão de multa de R$ 5 mil para quem descumprir. 

"Há muitos anos o meio ambiente vem sofrendo degradação diante das atituds humanas e da produção de produtos que afetam diretamente o meio que vivemos. Aparentemente benéficos, a produção desenfreada de talheres de plástico e seu descarte trazem prejuízos quase irreparáveis", afirma a vereadora Marcelle Moraes, autora da proposta. 

Segundo ela, as matérias-primas dos talheres plásticos não são biodegradáveis e, consequentemente, pode levar anos para decomposição. "A quantidade de plásticos reciclados hoje é muito pequena em comparativo com sua produção, fabricação e comercialização. O descarte indevido de plásticos não recicláveis acaba atingindo rios, mares e oceanos, e, boa parte desse material, ao se desintegrar em partes menores, termina na cadeia alimentar dos peixes, acarretando na morte de diversas espécies marinhas", diz.

Foto: Reprodução. Siga o insta @sitealoalobahia