Secretário de mobilidade representa Salvador em debate nacional sobre transporte coletivo sustentável

redacao@aloalobahia.com

Aconteceu na terça (8) e nesta quarta (9), em Brasília, o 36º Fórum Nacional de Transporte Público, que debateu questões como o novo marco legal, desafios, propostas e novas tecnologias para o setor, com o objetivo de encontrar melhorias a nível nacional. O evento reuniu representantes da área de transporte e mobilidade de todo o país, assim como empresários, autoridades e especialistas. 

Representando a capital baiana, o secretário de mobilidade, Fabrizzio Muller, esteve presente. Ele participou na manhã desta quarta do painel Caminhos para Descarbonização do Transporte Coletivo Urbano, que levantou questões como a transição dos ônibus a diesel para veículos elétricos e a importância de ampliar a eletromobilidade no país.
 
HD9wCkG.md.jpg
Durante o painel, o secretário contou que o Plano de Ação Climática de Salvador (PMANC) prevê que, até 2049, 100% da frota de transporte público em Salvador seja de energia limpa. “Esse assunto vem sendo tratado com muita seriedade pelo governo municipal; a atual gestão tem um plano estratégico com metas bastante ambiciosas neste sentido. E este plano começou a sair do papel num momento muito difícil, em que o sistema ainda sofria com os efeitos da pandemia”, lembrou. 

Muller lembrou ainda que a previsão é que, após a entrega da primeira fase completa do BRT, até a Estação da Lapa, 30% da frota do modal seja composta de ônibus elétricos, e falou sobre a construção do eletroterminal para o BRT, que será o maior em área pública do país, com capacidade para carregar simultaneamente 20 ônibus.

“Se não tiver, de fato, uma política pública arrojada do ponto de vista de acesso a financiamento e à segurança do futuro da eletromobilidade no nosso país, a gente não vai conseguir fazer uma transição para a eletromobilidade consistente como a gente deseja”, destacou. 


Publicado por Carolina Cerqueira. Fotos: Divulgação

Leia mais notícias na aba Notas. Acompanhe o Alô Alô Bahia no TikTok. Siga o Alô Alô Bahia no Google News e receba alertas de seus assuntos favoritos. Siga o Insta @sitealoalobahia, o Twitter @AloAlo_Bahia e o Threads @sitealoalobahia.

NOTAS RECENTES