Praia do Forte ganha a primeira filial da Cafeteria Botânica

Gabriela Cruz é jornalista, ilustradora e escreve para o Alô Alô Bahia. 

Fundada em Salvador em menos de um ano, a Cafeteria Botânica abriu sua primeira filil em Praia do Forte, na Alameda da Felicidade, 19, Esquina dos Artistas, em um transversal da Vila. O espaço, com cerca de 80 m2, tem área interna climatizada e um pátio com mesas ao ar livre com 70 lugares. O novo endereço é uma parceria da idealizadora do projeto, Carla Maciel, com a psicanalista Vânia Coutinho. O projeto foi assinado pelo escritório Ana Lúcia Maciel Arquitetura.
 
Com funcionamento das 7h às 23h40, a Cafeteria Botânica da Praia do Forte oferece opções de café da manhã, brunch e almoço, além de forneria e drinks. “Somos pioneiros na linha de cafés sensoriais aqui. O café da manhã e o brunch trazem pães de fermentação natural, pães de queijo artesanal, geleias artesanais, tostadas e cafés com notas sensoriais de leite condensado, frutas maduras, maracujá, entre outros”, conta Carla.
 
Whats-App-Image-2021-12-29-at-20-12-26-1 O almoço conta com um menu contemporâneo de cozinha vegana assinado por Pablo Cordier.  A aposta do chef é a releitura de três opções que remetem a memória afetiva de pratos tradicionais da Bahia e do Nordeste: Bobó, Feijoada e Baião de Dois. “Já o ponto forte da sobremesa são as tortas veganas e com opção sem glúten, como BanoffeToffe, cheesecake de frutas vermelhas e a cheesecake de Brownie sem glúten e vegano. Além dos clássicos alfajores e cookies artesanais”, destaca a empresária.
 
 À noite, a forneria da Botânica serve pizzas artesanais, acompanhadas de drinks que já são conhecidos da casa original, na Pituba, como o Cajueiro, o Futuro é Verde e o Botânico Shock com Hibisco, nas versões com e sem álcool, além dos vinhos orgânicos.
 
Whats-App-Image-2021-12-29-at-20-12-31 “Praia do Forte é um dos maiores polos de turismo e de moradores em busca de qualidade de vida. Criamos um lugar para agregar na qualidade de vida. O objetivo é que todos se sintam contemplados, um lugar que abrace as opções tradicionais e as inclusivas, com versões saborosas unindo saúde, economia local e opções para que veganos ou pessoas com restrições alimentares também possam celebrar em torno da mesa, em um ambiente rodeado de plantas”, afirma a idealizadora, Carla Maciel.
 
O projeto promete ainda inaugurar em janeiro uma loja com mercearia, plantas e souvenirs.

Fotos: Divulgação. Siga a gente no Instagram @sitealoalobahia e no Twitter @aloalo_bahia.

NOTAS RECENTES