Porto Seguro ganhará novo aeroporto com capacidade para receber voos internacionais de grande porte

Gabriela Cruz é jornalista, ilustradora e escreve para o Alô Alô Bahia. 

A construção do novo Aeroporto Internacional da Costa do Descobrimento, em Santa Cruz Cabrália, no extremo sul da Bahia, ampliará a capacidade de recepção de passageiros vindos do Brasil e do exterior e, também, o transporte de frutos do mar para Ásia e América do Norte. É o que prevê o Governo do Estado, responsável pelo projeto por meio da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra). 
 
A Costa do Descobrimento, conhecida por destinos badalados, como Trancoso e Arraial D’Ajuda, é a segunda maior zona turística baiana em número de visitantes, recebendo cerca de 2 milhões de pessoas por ano, atrás apenas da Baía de Todos-os-Santos, com 4,8 milhões por ano, segundo a Secretaria de Turismo do Estado (Setur).  
 
O aeroporto a ser implantado irá substituir o de Porto Seguro, que tem a movimentação média anual de 1,8 milhões de passageiros e não pode mais ser ampliado por causa do crescimento da malha urbana no entorno. Com o começo da operação, a estimativa é aumentar esse número para 4,5 milhões de pessoas que embarcam e desembarcam pelo local até 2032. 
 
O novo equipamento irá operar com aviação regular e geral e receberá aeronaves com capacidade para até 220 passageiros. A pista de pouso e decolagem terá 2.400 metros por 45 metros podendo chegar a 3 mil metros por 45 metros. A área do terminal de passageiros será de 30 mil m² e pode ser ampliada para 40 mil m². 
 
Para contribuir na elaboração do edital de licitação, interessados na concessão e construção do equipamento participaram de uma consulta pública. A próxima etapa do processo será a audiência pública, que ocorrerá em 3 de fevereiro. Após a audiência, o aviso de licitação sairá no Diário Oficial do Estado (DOE). A previsão de duração da obra é de cinco anos após o início da concessão e, durante o período, a empresa vencedora do edital será responsável pela gestão do atual aeroporto de Porto Seguro. 
 
 “Além da aviação regional baiana, a implantação do equipamento beneficiará economicamente a região da Costa do Descobrimento. Primeiramente, o turismo sendo a principal atividade econômica da região. A outra é o transporte nacional e internacional de cargas para outras partes do mundo”, destaca o secretário de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti. 

Confira postagem no Instagram: 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Leia mais notícias na aba Notas
 
Foto: Divulgação. Siga o insta @sitealoalobahia.
 

NOTAS RECENTES