25 Mar 2021

Museus do IPAC celebram os 472 anos de Salvador com programação virtual

Museus do IPAC celebram os 472 anos de Salvador com programação virtual
Os museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia celebram, com programação virtual entre os dias 29 de março e 6 de abril, os 472 anos de Salvador. A programação do Museu de Arte da Bahia, Palacete das Artes, Centro Cultural Solar Ferrão, Museu Tempostal e Museu de Arte Moderna da Bahia inclui lives, exposições e homenagens do público à capital baiana.

Abrindo os festejos, em 29 de março, às 17h, o Museu Abelardo Rodrigues promove a live “São Francisco Xavier, padroeiro da cidade de Salvador e sua composição iconográfica no acervo do Museu Abelardo Rodrigues”. O encontro terá mediação da museóloga Jorma Souza, que receberá Genivalda Cândido da Silva, museóloga e doutoranda em Ciência da Informação pelo Programa de Pós Graduação em Ciência da Informação. A transmissão acontece através do Instagram @museusdabahia.

Já no dia 31 de março, às 17h, é a vez do Museu Tempostal promover a live "Cidade de Salvador em perspectiva histórica, que contará com a mediação da museóloga Aiala Gonçalves e a participação da historiadora Raiza Canuta da Hora.

Entre os dias 29 de março a 6 de abril, o Palacete das Artes apresenta nas redes sociais a exposição virtual “Águas de Salvador e da Baía de Todos os Santos”. A mostra individual do artista plástico Sérgio Amorim aborda o cotidiano de Salvador em diálogo entre o mar e as raízes da cidade, além de trazer um olhar sensível ao cenário soteropolitano e suas relações com o recôncavo e com o sertão baiano.

O público também pode realizar um tour virtual pelo Museu de Arte Moderna da Bahia, conferindo detalhes das obras dos projetos “Salvador, do Povo, de Lina e de Todos os Santos” e “Cores, Amores, Recantos… Bahia”, além da exposição virtual “A vida é da cor que pintamos”, que traz as obras prediletas do acervo particular do artista baiano Chico Liberato.


Foto: Reprodução. Siga a gente no Instagram @sitealoalobahia e no Twitter @aloalo_bahia.

NOTAS RECENTES