😷

infectados

😔

mortes

🙂

recuperados

17 Nov 2017

Esculturas de Frans Krajcberg serão vendidas para pagar internação

Esculturas de Frans Krajcberg serão vendidas para pagar internação Os custos do internamento de 30 dias de Frans Krajcberg no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, serão pagos com a venda das esculturas do artista plástico, que morreu na última quarta-feira (15), aos 96 anos. As informações são da coluna Gente Boa, do jornal O Globo. O valor da dívida é mantido em sigilo, mas sabe-se que passa dos seis dígitos. Krajcberg não tinha plano de saúde.
 
O Samaritano aceitou o pedido de Márcia Barrozo do Amaral e de Marlene, braço-direito do artista na Bahia, e deu o prazo de um mês para que tudo fosse quitado. Márcia, grande amiga de Krajcberg, cuida de suas obras há mais de 30 anos.

Ainda segundo a coluna, a venda de algumas de suas criações para o pagamento de despesas hospitalares e de funeral estava prevista no testamento. No documento, Krajcberg declarou que, à exceção desse motivo, todo o seu acervo — mais de mil esculturas, doadas em 2009 ao governo da Bahia —, não seria negociado e continuaria pertencendo ao museu, em Nova Viçosa (BA), erguido como contrapartida à doação.

No testamento, Krajcberg também oficializa a criação de uma comissão formada por cinco pessoas — amigos de longa data e que gozavam de sua mais absoluta confiança — para administrar seu museu e tudo o que for relacionado a ele depois de sua morte.
 
Foto: Reprodução. Siga o insta @sitealoalobahia