Escritora moçambicana vence Prêmio Camões

redacao@aloalobahia.com

A escritora moçambicana Paulina Chiziane foi a grande vencedora da 33ª edição do Prêmio Camões, honraria conferida a escritores lusófonos de destaque. De acordo com o júri, formado por Jorge Alves de Lima, Raul Cesar Gouveia Fernandes, Carlos Mendes de Souza, Ana Maria Martinho, Tony Tcheka e Teresa Manjate, a escolha se deu em razão da preocupação das obras de Chiziane com “os problemas da mulher moçambicana e africana” e a “construção de pontes entre a literatura e outras artes”.

Considerada a primeira escritora moçambicana a publicar um romance e a primeira mulher africana a ganhar o Camões, Chiziane tem publicados no Brasil os livros “Niketche” e “O Alegre Canto da Perdiz”. “Esse prêmio é resultado de muita luta. Não foi fácil começar a publicar sendo mulher e negra", declarou a escritora ao jornal O Globo.


Foto: Divulgação. Siga a gente no Instagram @sitealoalobahia e no Twitter @aloalo_bahia
 

NOTAS RECENTES