Conheça o empreendimento que será erguido no antigo Med Itaparica

redacao@aloalobahia.com

Tornar a Ilha de Itaparica um dos principais destinos turísticos do Brasil. Esse é o sonho – sedimentado em planos bem sólidos – de um grupo de investidores de origem estrangeira e que há décadas atua em diversos ramos no país. São empresários que enxergam o potencial do lugar e querem ajudar na revitalização da região. Eles compraram o terreno onde antes funcionava o Club Med, que operou até o fim de 2019, e vão construir um complexo turístico que, prometem, não vai dever a nenhum empreendimento de grande porte no mundo.

“Depois da aprovação da Lei de Multipropriedade (13.777, de dezembro de 2018), percebemos que este seria o lugar ideal para investir na democratização da segunda residência, que é muito comum em outros países, como Estados Unidos e México, e está se expandindo na Europa e Ásia”, explica um dos principais executivos do empreendimento ao Alô Alô Bahia. Na primeira das três etapas de implantação do projeto serão entregues 350 unidades com perfil de apartamento. O plano é, em cerca de 10 anos, chegar até à 1.200.

Como atrativos, além da estrutura confortável e moderna, quem apostar no modelo de negócio - que permite a várias pessoas serem donas de um mesmo bem, pagando somente o preço e custos de manutenção da fração que efetivamente vão utilizar - vai desfrutar de um beach club, um parque aquático e até um open mall, que serão construídos no local.

Caberá a Sidney Quintela coordenar o time de arquitetos e outros profissionais da área especializados em multipropriedade que atuarão em todas as etapas de implantação do lugar, batizado provisoriamente de Village Itaparica. As obras da primeira etapa começam em 2022 e devem durar de 12 a 18 meses.
novocluvmed
Fotos:Alô Alô Bahia. Siga o insta @sitealolobahia.

NOTAS RECENTES