28 Oct 2019

Comissão da AL-BA aprecia projeto que proíbe venda de alimentos e bebidas com alto teor calórico em escolas

Luan Santos

Jornalista, repórter, assessor e consultor de comunicação.

 Comissão da AL-BA aprecia projeto que proíbe venda de alimentos e bebidas com alto teor calórico em escolas A Comissão de Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia e Serviço Público da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) deve votar nesta semana o projeto de lei que proíbe a comercialização, nas escolas públicas e privadas, de alimentos e bebidas de alto teor calórico, que contenham gorduras trans. A proposta, do deputado Alan Castro (PSD), tem parecer favorável de relator, deputado Robinson Almeida (PT). 

"Hoje em dia, as crianças brasileiras, principalmente nas grandes cidades, não dão espaço para as atividades físicas, são sedentárias a maior parte do tempo. Por outro lado, o número de fast-foods aumenta sempre, aumentando também   o número de pessoas que se alimentam mal; e este é um dos principais fatores que contribuem para a obesidade", diz Castro, que é médico. 

Ele diz que estudos atuais comprovam: "é na infância e na adolescência que se forma o hábito alimentar; e é na escola, longe da fiscalização dos pais, que as crianças dispõem de maior liberdade na escolha de seus alimentos. Assim, a proibição de certos produtos comprovadamente nocivos à saúde é uma forma de auxiliar as famílias na educação alimentar de seus filhos e prevenir sequelas que poderiam durar pela vida inteira", afirma.

Foto: Reprodução. Siga o insta @sitealoalobahia