Cidades baianas preveem ocupação hoteleira de até 100% no período que seria realizado o carnaval

Com informações do Jornal CORREIO

Apesar das festas de rua do Carnaval 2022 terem sido canceladas pelo governo do estado, o turismo continuará aquecido na última semana de fevereiro. Algumas cidades, como Maraú, no Sul baiano, onde ficam as praias de Barra Grande, terão 100% de ocupação nos hotéis. Já em Salvador, ficará entre 65% e 80%. 

Em Maraú, onde existem aproximadamente três mil leitos em pousadas, hotéis e casas de aluguel, a expectativa, de acordo com matéria do Jornal CORREIO, é de lotação máxima, igual ao ano passado. “Estamos com alta procura, algumas pousadas já estão lotadas. Com o cancelamento do carnaval, as pessoas estão buscando lugares de praia, por serem mais abertos e tranquilos em meio à pandemia”, prevê o secretário de turismo de Maraú, Leonardo Levita.  

No arquipélago de Cairu, a ocupação será maior na ilha de Morro de São Paulo, oscilando entre 85% e 95%. A falta da festa afeta a quantidade de turistas, segundo o secretário de turismo da cidade, Cláudio Brito. “Aquela ocupação esperada não vai acontecer, principalmente porque aqui era muito forte o pós-carnaval, a ressaca. Já que não vai ter festa, vamos perder, principalmente, os baianos que viriam nos visitar”, estima Brito. Ao todo, são cerca de 10 mil leitos de hospedagem em Cairu.  

Em Porto Seguro, no Sul da Bahia, o secretário de turismo e vice-prefeito, Paulinho Toa Toa, espera que os hotéis fiquem até 90% ocupados. “Estamos surpresos porque já estamos com 70% de ocupação e acreditamos que até o carnaval devemos chegar em 80 e 90%. Se fosse em dias normais, seria 100%, mas, entendemos o momento e estamos no meio de uma pandemia, então é preciso seguir todas as regras”, conta o secretário. 

A procura maior é pelo distrito de Caraíva. “Um dos destinos mais procurado que a gente está percebendo é Caraíva, por questão de mídia. Virou a queridinha, principalmente dos blogueiros do Brasil”, conta Toa Toa. O Booking, plataforma de aluguel de pousadas e hotéis, registrou uma tendência também em Trancoso, como sendo o terceiro destino mais buscado no Brasil para o período.

No Litoral Norte da Bahia, alguns resorts atingirão 100% de ocupação, de acordo com o secretário de turismo de Mata de São João, Alexandre Rossi. A média do município, onde fica Praia do Forte, será de 75% a 85%. “Mesmo no período mais crítico de covid, os hotéis mantiveram boa ocupação, como se fosse alta estação. Como o destino reúne tudo que é possível para o respeito aos protocolos e distanciamento, com praia e natureza, teremos bom movimento”, ressalta o secretário.  

Apesar de não ocorrerem as festas públicas, estão autorizados eventos privados, de até 1.500 pessoas, seguindo o decreto estadual.( por Marcela Villar, via CORREIO). 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 



Leia aqui a matéria completa

Foto: Divulgação. Siga o insta @sitealoalobahia
 

NOTAS RECENTES