Bobó de camarão baiano é eleito o sexto melhor prato do mundo por ranking internacional; veja pódio

redacao@aloalobahia.com

Um prato típico baiano acaba de conquistar um reconhecimento internacional. O bobó de camarão baiano conquistou a sexta posição em ranking internacional que reuniu os pratos com camarão mais bem avaliados do planeta.

Apesar de bem posicionada com nota 4,4 estrelas, a receita baiana não subiu no pódio do ranking do site TasteAtlas. A nota referida corresponde à média das avaliações dos internautas, que elegeram os melhores pratos com camarão do mundo. A lista é feita pelos usuários do site, que dão notas de 0,5 a 5 para uma vasta variedade de pratos típicos de países ao redor do mundo. 

Clique aqui e participe do canal do Alô Alô Bahia no WhatsApp

Para compor os rankings do portal, a plataforma reúne a média das notas recebidas por cada prato para aferir sua classificação geral. As listas podem comparar diferentes pratos com os mesmos ingredientes ou técnicas de preparo, pratos de determinada culinária com uma melhor nota geral ou ainda classificações mais abrangentes.
 
  • Confira como ficou o pódio:
1° lugar - Gambas al ajillo (camarões com alho ao estilo espanhol);
2° lugar - Tacos gobernador (tacos mexicanos com camarão);
3° lugar - Simiako garidaki (camarões típicos de Symi, na Grécia)

Os três pratos conquistaram nota geral de 4,6 estrelas.

Qual a origem do bobó de camarão baiano?
Como boa parte dos pratos da cozinha baiana, o bobó de camarão é herança africana. Apesar de algumas controvérsias, é bem aceita a ideia de que o bobó deriva do ipeté, prato feito com inhame, azeite de dendê, cebola, camarão e gengibre. A religião também tem crédito na sua popularização. Isso porque o ipeté faz parte da comida de ritual do candomblé, geralmente oferecida ao orixá Oxum.

O tempo, a cultura, os costumes e o paladar trouxeram adaptações, como a substituição do inhame pela mandioca, uma influência clara dos povos indígenas. O leite de coco, também acrescentado posteriormente, chegou e ficou, tornando-se ingrediente obrigatório.

* Publicado por N.R. Foto: Getty Images/iStockphoto.

Leia mais notícias na aba Notas. Acompanhe o Alô Alô Bahia no TikTok. Siga o Alô Alô Bahia no Google News e receba alertas de seus assuntos favoritos. Siga o Insta @sitealoalobahia, o Twitter @AloAlo_Bahia e o Threads @sitealoalobahia.

NOTAS RECENTES