29 Jun 2021

Anvisa recebe pedido de uso emergencial da vacina indiana Covaxin

Anvisa recebe pedido de uso emergencial da vacina indiana Covaxin
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária recebeu na manhã desta terça-feira (29) o pedido de uso emergencial da vacina contra covid-19 Covaxin. A solicitação foi feita pela empresa Precisa, representante no Brasil do laboratório indiano Bharat Biotech, responsável pela fabricação do imunizante.

O prazo de análise pode variar entre sete e 30 dias, a depender da documentação encaminhada no pedido. Segundo a Anvisa, as primeiras 24h serão dedicadas a uma triagem do processo, para saber se todas as informações necessárias foram encaminhadas.

No início do mês, a Anvisa autorizou a importação de 4 milhões de doses da Covaxin, a pedido do Ministério da Saúde. O quantitativo somente poderia ser utilizado sob condições estritas, dentro de um estudo de eficácia e com acompanhamento laboratorial pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde, da Fundação Getulio Vargas, entre outras condições. Até o momento, nenhum carregamento chegou ao país. 

Recentemente, as negociações para compra do imunizante entraram na mira da CPI da Pandemia, após um servidor da pasta ter relatado pressão para efetivar a compra, mesmo com falhas documentação.



Foto: Reprodução. Siga a gente no Instagram @sitealoalobahia e no Twitter @aloalo_bahia

NOTAS RECENTES