😷

infectados

😔

mortes

🙂

recuperados

24 Abr 2020

Hospital da Bahia alerta para provável expansão de doenças crônicas durante a pandemia

Mesmo com a gravidade da pandemia que estamos vivendo com o coronavírus, é fundamental que não sejam negligenciadas outras doenças com alta gravidade e responsáveis, por si só, por elevado índice de internações hospitalares e morbimortalidade.

Pessoas com diagnóstico de doenças como Hipertensão Arterial, Diabetes, Arritmias Cardíacas, histórico de Infarto e AVC, Insuficiência Cardíaca, sintomas de dor no peito ou dor de cabeça persistente, falta de ar, além de pacientes oncológicos e pacientes com indicação de cirurgia, precisam de acompanhamento médico continuado e ininterrupto.
                                                                                                                                     
Pensando nesta realidade, o Hospital da Bahia se estruturou para receber com segurança e conforto esses pacientes. Desde o início da pandemia no Brasil, o hospital vem aplicando na instituição rigorosos protocolos assistenciais e de segurança para os seus colaboradores e pacientes, baseados em recomendações nacionais e internacionais.

Foi criado um Comitê de Gerenciamento destes protocolos que instituiu o isolamento físico dos pacientes com suspeita da doença no setor de emergência, com acesso exclusivo e equipes treinadas e protegidas para o atendimento. Os pacientes com indicação de internação são direcionados para uma unidade inteiramente individualizada, com leitos de terapia intensiva e equipes treinadas e com equipamentos completos de proteção individual.

A recomendação é que os pacientes com necessidade de cirurgias ou outras situações clínicas que fujam da normalidade ou que necessitem manter acompanhamento médico continuado, sigam as orientações dos seus médicos e procurem a emergência do hospital, se necessário. É fundamental manter as medicações de uso contínuo, agendar as consultas em horários específicos e, se surgirem sintomas ou necessidade de procedimentos cirúrgicos, evitem adiar as cirurgias.

No caso das pessoas com suspeita de infecção pelo novo coronavírus, todo o atendimento é realizado com segurança para os profissionais de saúde e demais pacientes. Os casos suspeitos são conduzidos por equipes especializadas, devidamente amparadas por Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), recebendo atendimento individualizado, sendo direcionadas para ambientes seguros e especialmente estruturados para o seu isolamento das demais áreas do hospital. Além disso, foram reforçadas medidas de higienização e limpeza, tornando o Hospital da Bahia uma das instituições mais seguras do país para acolhimento e internação de seus pacientes com qualquer condição clínica que necessite de seus cuidados e assistência.

O objetivo dessas ações foi propiciar aos pacientes um ambiente seguro para realizarem seus tratamentos, permitindo, desta forma, que as demais atividades habituais da instituição continuem em pleno funcionamento, mantendo de forma regular a assistência médica de referência e excelência, características do Hospital da Bahia.

Aos pacientes que necessitarem de atendimento médico em consultórios, emergência, internação ou qualquer dos setores da instituição, o Hospital da Bahia está em pleno funcionamento, dotado de ações com muito rigor técnico para que se sintam seguros.
 

Fotos: Peu Accioly. Siga o insta @sitealoalobahia.
Dr. Artur Souza – Coordenador da Neurologia do Hospital da Bahia
 Dra. Elisa Saito – Coordenadora do Centro de Radioterapia do Hospital da Bahia