Hamburgueria soteropolitana cria menu de sanduíches inspirado nos países da Copa

Marília Gabriela Cruz é jornalista, ilustradora e escreve para o Alô Alô Bahia. 

A hamburgueria Tá Rebocado! entro no clima da Copa criando um menu de sanduíches inspirado no mundial do Catar. O cardápio traz opções de lanches com os nomes de 9 países que participam da competição de futebol da Fifa e estarão disponíveis nos dois endereços da rede soteropolitana - Barra e Costa Azul - até o final dos jogos, em dezembro.

Com preços que variam de R$ 24,90 a R$ 34,90, o cardápio contempla do anfitrião Catar (blend de costela temperado com especiarias do oriente, homus e salada, servido no pão brioche artesanal) ao Brasil (blend de carne do sol, cebola na manteiga, queijo coalho, couve crispy e maionese da casa, servido no pão brioche artesanal), passando pela Inglaterra (bacon em cubos crocante, mussarela, cebola roxa, tomate, alface e maionese da casa, servido no pão brioche artesanal).

A lista traz ainda Argentina (blend de costela temperado com sal de parrilla e chimichurri, queijo provolone, cebola roxa e maionese da casa, servido no pão brioche artesanal com manteiga de alho), França (blend de costela, brie empanado e geleia de pimenta, servido no pão brioche artesanal), Bélgica (cupim cozido na cerveja, levemente adoçado com mostarda Dijon, mussarela, servido no pão brioche artesanal com manteiga de alho), Alemanha (salsicha viena frankfurt, mostarda, chucrute e bacon na baguete de parmesão) e Portugal (pernil de porco, queijo do reino e creme de azeitona, servido no pão brioche artesanal).
H2lP0iJ.md.png
​Mesmo fora da Copa do Catar, a Itália não foi esquecida e entrou no menu. O sanduíche leva blend de costela, mussarela, pepperoni, molho pesto e rúcula e é servido no pão brioche artesanal.  "A ideia é aproveitar para experimentar o menu e combinar com os acompanhamentos disponíveis no cardápio e um bom chope", dá a dica o chef e proprietário da marca, Thiago Mascarenhas.

Fotos: divulgação. Também estamos no Instagram (@sitealoalobahia), Twitter (@Aloalo_Bahia) e Google Notícias.

NOTAS RECENTES