Grupo Origem inaugura boteco no Horto Florestal; veja fotos

Grupo Origem inaugura boteco no Horto Florestal; veja fotos

Redação Alô Alô Bahia

redacao@aloalobahia.com

José Mion

Leonardo Freire

Publicado em 07/07/2024 às 13:23 / Leia em 3 minutos

O sonho virou realidade! E foi nesse clima de emoção que Fabrício Lemos e Lisiane Arouca receberam, aos poucos, ao longo do fim de semana, amigos e parceiros no mais novo projeto da dupla, o Megiro, no fundo do restaurante Ori, no Horto Florestal, em Salvador. O boteco do Grupo Origem, anunciado em janeiro pelo Alô Alô Bahia, abre as portas ao público no próximo dia 10 de julho, em soft opening ( fase de testes), com a proposta de fazer o simples com um toque de sofisticação, característico das marcas dos chefs.

Batidas e caldos resgatam o clássico dos botecos | Foto: Leonardo Freire

“Origem” ao contrário, o Megiro chega como a peça que faltava ao grupo de outros 6 restaurantes, um boteco que se define como “além da cerveja gelada”. E, realmente, é. De batidas alcóolicas, como a de coco com cupuaçu, a vinhos; do chopp gelado a cervejas variadas, a harmonização com o menu especial parece sempre dar certo.

O pastel de xinxim de bofe é um dos itens do cardápio afetivo | Foto: Leonardo Freire

No espaço, que resgata o clima dos antigos botecos, em projeto assinado por Ricardo Campos, os 70 clientes poderão conhecer um outro lado dos chefs, que apostam em clássicos como malassado, dobradinha, moela, língua, pastel de xinxim de bofe – de comer rezando! -, caldo de peguari e sorvete de pudim, tudo com um tempero especial que diferencia o casal no mercado nacional.

Salão comporta até 70 pessoas e terá TV para os dias de jogos | Foto: Leonardo Freire

Apaixonado por futebol – especialmente pelo Esporte Clube Bahia -, Fabrício Lemos nos contou ainda que uma TV será instalada no salão principal para o público acompanhar algumas partidas especiais, em clima descontraído, com boas comida e bebida, reforçando a proposta do Megiro, que segue uma tendência mundial em que chefs conceituados buscam uma nova relação com a comida. “É uma tendência, ter sempre um restaurante de respiro, um restaurante que traz afetividade e certo conforto”, disse.

Cardápio é variado e aposta em clássicos de boteco | Foto: Babi Nutini

Ainda assim, o casal manterá, no novo espaço, o cuidado com a qualidade da matéria-prima de cada prato, buscando, como sempre, fortalecer toda a cadeia produtiva e a cozinha tradicional. Valorizando a experiência do cliente e, aproveitando o momento inicial de possíveis ajustes, a nova casa funcionará apenas sob reserva (71 99905-1246), às terças e quartas, das 18h às 23h, de quinta a sábado, das 12h às 23h e aos domingos, das 12h às 18h, horário que pode ser estendido nos dias de jogos.

Alô Alô Bahia no seu WhatsApp! Inscreva-se

Compartilhe