Cidades baianas devem ter frio de 10ºC no inverno; saiba quais

Cidades baianas devem ter frio de 10ºC no inverno; saiba quais

Redação Alô Alô Bahia

redacao@aloalobahia.com

Maysa Polcri, para o Correio*

Reprodução/Unsplash

Publicado em 20/06/2024 às 09:12 / Leia em 2 minutos

A estação mais fria do ano começa às 17h51 desta quinta-feira (20) e continua até o dia 22 de setembro. O inverno será marcado pelo aumento do volume de chuvas no litoral da Bahia, enquanto que o interior do estado enfrentará seca. A diferença entre as temperaturas mínimas e máximas, a amplitude térmica, também aumenta durante a estação.

Algumas cidades baianas devem ter mínimas de 10ºC nos dias mais frios, segundo o meteorologista Aldírio Almeida, do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema).

“O centro-oeste e o norte baiano registram as temperaturas mais baixas, principalmente no decorrer da estação, entre julho e agosto. No início do dia, as cidades do oeste baiano podem ter mínimas de 10ºC. Mas, durante o dia, as temperaturas voltam a subir”, explica o meteorologista.

Moradores dos municípios Cocos, Correntina e Luís Eduardo Magalhães, todos na região extremo-oeste, deverão enfrentar as menores temperaturas no estado.

Na terça-feira (18), os termômetros de Luís Eduardo Magalhães registraram mínima de 12,2ºC. Em Barreiras, a mínima registrada foi de 13ºC. No ranking das menores temperaturas registradas nas cidades brasileiras naquele dia, elas ocuparam a 81º e a 106º posição, respectivamente. A partir do início do inverno, o frio será mais frequente.

No sudoeste baiano e na região da Chapada Diamantina, o inverno será marcado pela formação de nevoeiros. “Ainda devem ocorrer chuvas fracas nessas áreas e, por conta da umidade, é comum que ocorra formação de neblinas ao amanhecer nas cidades com as maiores altitudes”, completa Aldírio Almeida.

É o caso de Piatã, que entrou na lista das cinco cidades mais frias do país, em fevereiro. Já em Ibicoara, os termômetros marcaram 8ºC, durante a manhã, no inverno de 2022.

No litoral, as temperaturas devem ficar um pouco acima da média, enquanto que o volume de chuvas deve ser maior do que o registrado nos últimos dois anos na estação. Pela média histórica, agosto é o mês mais frio do inverno, com mínima de 21ºC. A máxima é de 27,7ºC, em setembro. A previsão é que as temperaturas fiquem 1ºC ou 2ºC maiores do que a média em Salvador, segundo a meteorologista Andrea Ramos.

Alô Alô Bahia no seu WhatsApp! Inscreva-se

Compartilhe