Ferrari é guinchada após motorista estacionar em cima da faixa de pedestre em Maringá

Ferrari é guinchada após motorista estacionar em cima da faixa de pedestre em Maringá

Redação Alô Alô Bahia

redacao@aloalobahia.com

Redação Alô Alô Bahia

Divulgação

Publicado em 08/07/2024 às 12:25 / Leia em 2 minutos

Uma Ferrari avaliada em mais de R$ 1 milhão foi guinchada em Maringá, no norte do Paraná. O motivo? O motorista estacionou em cima da faixa de pedestre, de acordo com a Secretaria Mobilidade Urbana.

O Código de Trânsito Brasileiro enquadra como infração grave o fato de estacionar sobre a faixa de pedestre, sobre ciclovia ou ciclofaixa, bem como nas ilhas, refúgios, ao lado ou sobre canteiros centrais, divisores de pista de rolamento, marcas de canalização, gramados ou jardim público.

A legislação ainda prevê multa e medida administrativa, que é, justamente, a retirada do veículo.

O carro foi guinchado na tarde de domingo (7) e, segundo a Prefeitura de Maringá, nesta manhã de segunda-feira (8) permanecia no pátio da administração municipal.

Ainda conforme a Secretaria Mobilidade Urbana, o carro estava com o licenciamento de R$ 181,88 atrasado e R$ 8 mil em multas.

O motorista está sujeito a perder cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CHN) e à multa de R$ 195,23.

Para retirar a Ferrari, o dono terá que pagar R$ 190, referentes à taxa do guincho e mais R$ 31,64 por dia em que o veículo ficar no pátio.

As informações são do g1.

Alô Alô Bahia no seu WhatsApp! Inscreva-se

Compartilhe