Concurso em Salvador vai premiar fachadas decoradas no percurso do desfile de 2 de Julho

Concurso em Salvador vai premiar fachadas decoradas no percurso do desfile de 2 de Julho

Redação Alô Alô Bahia

redacao@aloalobahia.com

Redação Alô Alô Bahia

Max Haack

Publicado em 26/06/2024 às 15:28 / Leia em 3 minutos

As celebrações em Salvador pelo 2 de Julho vão contar mais uma vez com o Concurso de Fachadas, promovido pela Fundação Gregório de Mattos (FGM). O tema da festa este ano é “2 de Julho: Povo Independente”.

A melhor decoração no trecho entre o Largo da Lapinha e o Terreiro de Jesus será escolhida conforme julgamento da Comissão do concurso e atendimento aos critérios estabelecidos em regulamento publicado no Diário Oficial do Município (DOM), do dia 10 de junho. O objetivo do concurso, além de premiar os moradores, é incentivar a valorização do patrimônio edificado e da arquitetura dos imóveis situados no trecho do desfile.

O gerente de Promoção Cultural da FGM e coordenador dos festejos, George Vladimir, lembra que a decoração das fachadas da casa, ao longo do percurso onde desfila o cortejo cívico, já é uma tradição do 2 de Julho há muitos anos. “Fazer um concurso que escolha a fachada mais bem decorada é uma forma que encontramos de estimular a manutenção dessa tradição, fazendo, inclusive, com que gerações mais jovens possam também embarcar nessa tradição e mantê-la”, declara.

Para Vladimir, estimular que as famílias continuem decorando as suas casas e se esmerando cada vez mais é o principal objetivo. “Dentre as ações que realizamos no 2 de Julho, essa é uma das mais importantes. As famílias entram mesmo no desafio, se esmerando por deixar suas casas bem decoradas e as fachadas bem criativas no dia do desfile”, completa.

Participação – Para participar, as fachadas deverão atender às condições estabelecidas no regulamento, além de ter como objeto da decoração o Cortejo do Dois de Julho nos seus aspectos históricos e cívicos, em consonância com o tema deste ano. No dia do Cortejo Cívico, serão feitas pela FGM fotografias das fachadas decoradas e o registro fotográfico servirá de testemunho da fachada premiada.

A análise será feita por uma Comissão Julgadora, convidada e nomeada pela FGM e formada por três membros: um representante da FGM, um representante do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural e um representante da sociedade civil. O proprietário do imóvel vencedor do concurso receberá como premiação uma placa decorativa a ser instalada na residência, condecorando o local como Vencedor do Concurso de Fachadas do Dois de Julho 2024. Serão qualificadas até três fachadas suplentes, por ordem de classificação, que poderão receber a premiação no caso de impedimento do selecionado.

Entre os critérios para a escolha, estão a preservação do patrimônio edificado; criatividade e originalidade; utilização de materiais que dialoguem com a sustentabilidade ambiental e, o mais importante, que se atenha à temática cívica. O resultado será divulgado em até dez dias após o cortejo, sendo publicado no DOM (www.dom.salvador.ba.gov.br).

Alô Alô Bahia no seu WhatsApp! Inscreva-se

Compartilhe