Desenrola: Pequenos negócios renegociam R$ 1,2 bilhão em dívidas em programa federal

Desenrola: Pequenos negócios renegociam R$ 1,2 bilhão em dívidas em programa federal

Redação Alô Alô Bahia

redacao@aloalobahia.com

Luana Veiga

Reprodução

Publicado em 19/06/2024 às 13:50 / Leia em 2 minutos

O programa federal Desenrola Pequenos Negócios registrou, de 13 de maio a 12 de junho, a renegociação de dívidas com instituições financeiras no valor de R$ 1,25 bilhão, em todo país.  De acordo com a Federação Brasileira de Bancos, 30.645 clientes já renegociaram 39.071 mil contratos de suas dívidas. Esses clientes pessoas jurídicas são microempreendedores individuais, microempresas e empresas de pequeno porte.

Sete instituições financeiras participam do Desenrola Pequenos Negócios, entre elas o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco, Itaú, Santander, Sicredi e Mercantil do Brasil. Juntos, esses bancos representam 73% do total da carteira de crédito de micro e pequenas empresas nacionais.

Após a renegociação, o crédito é retomado imediatamente, o que pode impulsionar novamente seus negócios, gerar empregos, renda e fortalecer o desenvolvimento local.

Para aderir ao Desenrola Pequenos Negócios, o microempreendedor ou pequeno empresário deve procurar a instituição financeira onde tem a dívida em atraso para iniciar a negociação e, depois, formalizar o contrato. Os termos e prazos para a renegociação são definidos pelo banco, que poderá oferecer condições especiais, como descontos, prazos mais longos para o parcelamento e juros reduzidos.

 

Alô Alô Bahia no seu WhatsApp! Inscreva-se

Compartilhe